sábado, 15 de outubro de 2011

Festival Sitges 2011: Os vencedores


O Stiges - Festival Internacional de Cinema Fantástico de Catalunha é um dos mais importantes festivais de cinema fantástico a nível internacional. O festival Stiges 2011 decorreu desde 06 de Outubro e termina amanhã, dia 16 de Outubro. Para lerem a cobertura do festival basta acompanharem o blogue Antestreia, presença assídua no certame. Entretanto fiquem com os vencedores do festival, de onde Red State, de Kevin Smith, se sagrou o principal vencedor e Attack the Block levou quatro prémios para casa:

Competição Oficial de Cinema Fantástico - Stiges 44

Melhor Curta-metragem
Dirty Silverwear, de Steve Daniels & The Unliving, de Hugo Lilja

Melhor Design de Produção
Marc Thiébault por Livide

Melhor Maquilhagem
Steven Kostanski por The Divide

Melhores Efeitos Especiais
Lluís Castells e Javier García por Eva

Melhor Banda Sonora Original
Steven Price por Attack the Block

Melhor Fotografia
Markus Förderer e Tim Fehlbaum por Hell

Melhor Argumento
Lucky McKee e Jack Ketchum por The Woman

Melhor Actriz
Brit Marling em Another Earth

Melhor Actor
Michael Parks em Red State

Prémio Especial do Júri
Attack the Block, de Joe Cornish

Melhor Filme
Red State, de Kevin Smith

Competição Oficial de Cinema Fantástico - Òrbita

Prémio Especial do Júri
Colour Bleed, de Peter Szewczyk (curta-metragem)

Melhor Filme
Guilty of Romance, de Sion Sono

Júri Cartão Jovem

Melhor Filme (Competição Oficial de Cinema Fantástico - Stiges 44)
Bellflower, de Evan Glodell

Melhor Filme (Midnight X-Treme)
Detention, de Joseph Kahn

Novas Visões

Melhor Filme
Night Fishing, de Park Chan-wook e Park Chan-kyong

Melhor Filme de Não Ficção
Knuckle, de Ian Palmer

Melhor Descoberta
Invasion of Alien Bikini, de Oh Young-doo

Melhor Filme de Ficção Negra
Kill me please, de Olias Barco

Melhor Curta-metragem
Coup de grace, de Clara van Gool

Menção Especial
Underwater Love, de Shinki Imaoka

Casa Àsia

Melhor Filme
The Unjust, de Ryoo Seung-wan

Prémio do Público do Jornal da Catalunha

Melhor Filme
Attack the Block, de Joe Cornish

Novos Autores pela Fundação do Autor do Instituo Buñuel

Melhor Filme
La gota, de Daniel Piera e Beatriz Escolar

Melhor Argumento
Camille, de Carme Puche & Exercici, de Raúl Pérez

Melhor Banda Sonora Original
Chroma, de Juan Andrés González

Menção Especial (Documentário)
Me llamo Peng, de Jahel Guerra e Victoria Molina de Carranza

Menção Especial (Animação)
Desde el averno, de Raúl Garcia, Núria Argemí, Mariona Consuegra, Saúl Darú, Maria Moreira, Clara Vallvé

ANIMA'T - Prémio Gertie

Melhor Filme de Animação
Tatsumi, de Eric Khoo

Melhor Curta-metragem de Animação
Dripped, de Léo Verrier

Melhor Filme Familiar
Leafie, de Oh Sung-yoon

Méliès de Prata

Méliès de Prata para Melhor Filme Europeu
Kill List, de Ben Wheatley

Menção Especial
Hell, de Tim Fehlbaum & Krokodyle, de Stefano Bessoni

Méliès de Prata para Melhor Curta-metragem Europeia
The Unliving, de Hugo Lilja

Menção Especial
Magic Piano 3D, de Martin Clapp

Méliès de Ouro

Méliès de Ouro para Melhor Filme Europeu
Balada Triste de Trompeta, de Álex de la Iglesia

Méliès de Ouro para Melhor Curta-metragem Europeia
Suiker, de Jeroen Annokkee

Prémio da Crítica

Prémio Jose Luis Guarner
Attack the Block, de Joe Cornish

Prémio Citizen Kane para Realizador em Ascensão
El páramo, de Jaime Osorio & Trabalhar Cansa, de Juliana Rojas e Marco Dutra

Prémio BRIGADOON Paul Naschy

Melhor Curta-metragem
8, de Raúl Cerezo
blog comments powered by Disqus

Comentários recentes no blogue

Powered by Disqus

Receive all updates via Facebook. Just Click the Like Button Below

?

You Can also Receive Free Email Updates:

Powered By NBT